Vale a pena trabalhar em casa?

by - agosto 25, 2015

Imagem via Pinterest
Muitas vezes sou questionada se realmente vale a pena trabalhar em casa, com artesanato.
Acho que esse "realmente" vai variar de acordo com as prioridades de cada um, minha maior prioridade são minhas filhas e estar ao lado delas em momentos importantes, coisa que uma jornada de mais de oito horas fora de casa me impediria, sim, faz valer totalmente a pena.
Elas são minha prioridade número um, mas minha narrativa a seguir exemplifica bem o porque de achar que sim, pra mim, realmente vale a pena trabalhar em casa.

Dia 18/08/2015 na porta da classe onde minha filha mais velha estuda tinha um cartaz da professora que dizia o seguinte:

Para nosso projeto de matemática, estamos precisando de pessoas que tenham algum tipo de coleção. Se você coleciona alguma coisa, venha contar sua experiência para as crianças.

Conversei brevemente com a professora e disse que tinha uma coleção de papéis de carta, se ela precisasse, poderia contar comigo, e esqueci.

Hoje, como faço diariamente, fui levar Yasmin no colégio, ela estuda no período da tarde, então a levo pra aula, e sempre converso com a professora se está tudo bem, se ela tem se comportado, coisa típica de mãe, mas hoje a professora chegou em mim um tanto acanhada e me perguntou se eu poderia levar minha coleção de papéis de carta hoje para as crianças, falar um pouco sobre como comecei a coleção e contar para as crianças minha experiência, pq praticamente pai ou mãe nenhum tinha disponibilidade de colaborar com o projeto de matemática.

Topei. O combinado era chegar em casa procurar o fichário onde estava a coleção e ligar confirmando.

Procurei e não encontrei, pra falar a verdade não faço ideia de onde esse fichário esteja, mas entre minhas coisas encontrei uma coleção tão legal quanto a de papéis de carta: adesivos!

Liguei e disse que iria sim, mas levaria minha coleção de adesivos pras crianças verem, e falaria a respeito dela.

Minha coleção de adesivos é despretensiosa, comecei comprando adesivos e não parei, não tem um padrão nem nada do tipo, eu simplesmente adoro adesivos e tenho mais de 250 cartelinhas! :D

Deu meu horário e lá fui eu, fiquei nervosa em falar com as crianças, pq são crianças, fazem perguntas absurdas e são seres naturalmente curiosos.

A professora anunciou minutos antes que uma pessoa muito importante iria lá falar com eles sobre sua coleção, e mostraria a coleção pra eles, e o alvoroço estava pronto, eles ficaram ansiosos.

Crianças nessa idade tem uma doçura incrível, e foi assim que fui recebida, como se eu fosse alguém incrível, e eles diziam a todo momento "olha, a mãe da Yasmin chegou, ela vai falar com a gente!".

Demos nossas mãos, fizemos um círculo, me sentei no chão com eles, como se fosse uma deles, com se tivesse quatro anos, e expliquei toda trajetória da minha coleção, e finalmente mostrei os adesivos pra eles, e a galerinha foi a loucura, afinal, que criança não gosta de adesivos?

Conversei um pouco com eles, enquanto Yasmin falava com as crianças sobre como eu era importante em colecionar adesivos, e logo depois fomos embora, eu feliz por ter ajudado a professora, e ela feliz por eu ter ido conversar com os amigos dela!

E em nosso caminho de volta, de mãos dadas e cantando pela rua, vim pensando o tempo todo como sou privilegiada por trabalhar em casa e ter um horário tão flexível que me permite as 16:30, de uma terça feira chuvosa, parar tudo que estou fazendo e ir colaborar com a professora da minha filha, para o aprendizado das crianças.

Não sou mais nem menos mãe por ser tão presente e não dar trégua pra elas, mas sei que no futuro o que ficam são as lembranças, e faço o possível pra que tenham uma infância feliz e com os pais presentes.

Então sim, pra mim, não só vale, com vale muito a pena trabalhar em casa, perto das minhas filhas, e estar com elas o tempo todo, mas como eu disse lá em cima, vai de cada um o que realmente é valer a pena!

E você, o que te motiva a trabalhar em casa, o que realmente faz valer a pena?

Beijos

Você também poderá gostar

2 comentários

  1. Juuuuuuuuuuu linda, adoro ler seu textos. Minha motivação ´a mesma que a sua, estar perto do meu filho.
    Não é fácil trabalhar em casa, tem horas que fico a beira da loucura kkkkkkkkkk. Mas não tem pagamento maior que estar com ele, acompanhar o crescimento, ver cada sorriso.
    Pra mim vale muito a pena

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito amor poder fazer o que gosta e estar acompanhando o crescimento dos nossos tesouros!

      Muito sucesso pra vc, Rô!

      :*

      Excluir